Pesquisadores e bolsistas visitam APL de Pedras, Gemas e Joias

O gestor do APL de Pedras, Gemas e Joias, Edivaldo S. Santos esteve recepcionando o grupo da Universidade de Passo Fundo

Por Imprensa UPF em 11/12/2014

   

(Foto: Imprensa UPF)
Pesquisadores e bolsistas visitam APL de Pedras, Gemas e Joias

Um grupo de pesquisadores e bolsistas de iniciação científica (Pibic e Pivic) da Faculdade de Ciências Econômicas, Administrativas e Contábeis da Universidade de Passo Fundo (Feac/UPF) desenvolveu um trabalho de campo junto ao APL de Pedras, Gemas e Joias – cidade polo Soledade.

Na ocasião, foram realizados contatos importantes para o desenvolvimento do projeto de pesquisa "Compreensão do Processo da Aprendizagem Organizacional e Interorganizacional no APL de Gemas e Pedras Preciosas de Soledade e sua Contribuição para o Desenvolvimento Local", coordenado pela professora da UPF, Anelise Rebelato Mozzato, com colaboração da professora Claudia Bitencourt (Unisinos) e Denize Grzybovski (UPF, Unijuí), o qual tem parte financiado pelo CNPq.

Durante a manhã, a coordenadora do projeto, juntamente com a pesquisadora colaboradora, professora Mônica Antunes, e os bolsistas Julio Felipe da Silva (Pibic), Fernanda Longi e Ana Beatriz Santos (Pivic), visitaram as dependências do Centro Tecnológico - Polo de Inovação Tecnológica do Alto da Serra do Botucaraí, sob a gestão do professor Maciel Donato.

O docente e a sua equipe de trabalho apresentaram o funcionamento do CT, além de todas as recentes e importantes mudanças e inovações tecnológicas. Com total acessibilidade para a pesquisa, ocorreram muitas trocas, ficando em aberto a continuidade para o diálogo.

Na tarde, ainda no mesmo local, ocorreu uma reunião com o atual gestor do APL, Edivaldo S. Santos, com o objetivo de constituir uma cooperação entre a entidade e a Universidade. Ficou estabelecida a formação de parcerias para o levantamento de dados nas empresas do APL, com abertura e disponibilidade para colaborações.

O encontro oportunizou o estreitamento de laços entre as entidades, com intuito do trabalho colaborativo em prol do desenvolvimento dos pequenos pedristas de Soledade, município onde se pretende desenvolver trabalhos de qualidade que possam repercutir positivamente no contexto geral.

Além de conhecer o Centro, o grupo, acompanhado do gestor do APL, conheceu o processo de beneficiamento de pedras de algumas pequenas e grandes empresas, que envolve o corte, o lixamento o polimento e o tingimento da pedra.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade