Sérgio Pilatti é o novo presidente do COMDICA de Soledade

Integram ainda a diretoria Dalvo Iran Melo Godoi, Vice-Presidente, Silvia Inez Lumertz Borges, Secretária.

Por Redação em 20/04/2017
(Foto: Arquivo / ClicSoledade)
Sérgio Pilatti é o novo presidente do COMDICA de Soledade

Desde o dia 18/04 o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Soledade – COMDICAS está com nova diretoria, sendo que Sérgio Pilatti é o novo presidente do órgão.

A mudança deu-se em virtude da mudança de indicação de conselheiros. A União das Associações de Moradores dos Bairros indicou novos representantes, desta forma, a até então presidente, Vera Pagnussat, que era indicada pela UAMBS, teve que deixar o cargo. A vice-presidente declinou da posse como nova presidente e com isso houve a necessidade de nova eleição, resultando na seguinte diretoria:

Presidente: Sérgio Antônio Pilatti;
Vice-Presidente: Dalvo Iran Melo Godoi;
Secretária: Silvia Inez Lumertz Borges.

Sérgio Pilatti comentou que pretende implementar ações efetivas como a articulação para que seja reestruturado o Fundo Municipal para onde serão destinados recursos para políticas públicas voltadas à criança e ao adolescente. Ele ainda pretende estreitar as relações com o Poder Público, Conselho Tutelar, órgãos de segurança e demais intuições que integram a rede de proteção Direitos da Criança e do Adolescente. Também deverão ser realizadas mudanças regimentais com o propósito de aumentar a pluralidade do Conselho.

O COMDICAS é o órgão deliberativo, normativo, formulador e controlador da política de atendimento dos direitos, conforme o Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei Federal 8069/90) e a Lei Municipal 6787/91 sendo o responsável por avaliar, acompanhar e controlar as ações governamentais e comunitárias relacionadas à criança e ao adolescente.

A informação é da Rádio Soledade.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade