Representante de Soledade conquista 3ª lugar na Chula no XXIII FestMirim

João Pedro de Oliveira Guimarães, de 12 anos, se destacou na competição que reuniu chuleadores de todo Estado

Por Lucas Bicudo em 02/08/2017

   

(Foto: Gilberto Silva / ClicSoledade)
Representante de Soledade conquista 3ª lugar na Chula no XXIII FestMirim

João Pedro de Oliveira Guimarães, de 12 anos, ficou em 3º lugar na modalidade Chula, no XXIII FestMirim, realizado entre os dias 28 e 30/7, em Santa Maria. O evento, organizado pelo CPF Piá do Sul, reúne competidores na categoria Mirim de todas as 30 Regiões Tradicionalistas do Estado, nas diferentes modalidades artísticas.

Este foi o quarto ano que João Pedro participou do concurso, sendo que em 2016, já tinha ficado em 5º lugar. Ele destaca que neste ano houve a participação de 31 chuleadores. “Todos dançavam no sábado e 12 se classificavam para final no domingo. Felizmente consegui ficar em terceiro lugar, representando o GAN Vaqueanos da Cultura”, comentou.

João Pedro pratica chula desde os 7 anos de idade e sempre está em 2 a 3 rodeios por mês, onde acumula mais de 40 troféus. Entre as premiações, está a de vice-campeão de Sapateio Nacional de Chula, disputado em 2016, em Lagoa Vermelha. “Agora meu objetivo é ser campeão do Rodeio Internacional da Vacaria”, revelou.

Para conquistar este prêmio, ele conta que ensaia todos os dias para aprimorar suas técnicas. João Pedro salienta que o seu grande incentivador é o professor Jorge Hintz Soares, de Santo Ângelo, que repassa os conhecimentos.

Com divulgação do resultado final do XXIII FestMirim, na modalidade Chula, os três primeiros colocados foram: 1º - Miguel dos Santos Lampert, de Carazinho; 2º - Arthur Eduardo Machado Latroni, de Gravataí; e 3º - João Pedro de Oliveira Guimarães, de Soledade. O soledadense Francisco Ferreira, do CTG 3 Coqueiros, também foi finalista e ficou em 7º lugar.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade