Professora que morreu em Marcelino Ramos será sepultada em Ibirapuitã

Sepultamento acontecerá às 9h de segunda-feira (12).

Por Fernando Martins em 11/02/2018

   

(Foto: Reprodução / Facebook)
Professora que morreu em Marcelino Ramos será sepultada em Ibirapuitã

A professora Lusiane Althaus, de 40 anos, que morreu afogada no Rio Uruguai, em Marcelino Ramos, será velada e sepultada em Ibirapuitã. A informação dos atos fúnebres foi confirmada por familiares.

O corpo está em processo de liberação junto ao Instituto Médio Legal, e deverá chegar em Ibirapuitã no final da noite deste domingo, 11/02, após as 23h. O velório acontecerá na capela mortuária de Ibirapuitã. Já o sepultamento, acontecerá as 9h no cemitério municipal. Antes, disso, as 8h, acontecerá uma missa de corpo presente.

Lusiane foi encontrada morta na tarde deste domingo, 11/02. Ela estava sendo procurada desde sexta-feira, 09/02, após ter saído para meditar nas margens do Rio Uruguai, em Marcelino Ramos. Ela é natural de Ibirapuitã e residia em Ernestina, onde também trabalhava.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade