Coagrisol encerra 2018 alcançando um faturamento de R$ 1,2 bilhão

Números foram apresentados durante reunião do Conselhão, realizada na manhã desta sexta-feira, 25/1, em Soledade

Por Lucas Oliveira Bicudo em 25/01/2019

   

(Foto: Lucas Oliveira Bicudo / ClicSoledade)
Coagrisol encerra 2018 alcançando um faturamento de R$ 1,2 bilhão

Os dados da movimentação financeira da Coagrisol no ano de 2018 foram apresentadas durante reunião do Conselhão. O evento aconteceu nesta sexta-feira, 25/1, no auditório da cooperativa, em Soledade, e teve a participação dos membros dos Conselhos de Administração, Fiscal e de Representantes.

Conforme as informações foram apresentadas pelo superintendente Clademir da Silva Comin, o faturamento em 2018 alcançou R$ 1,2 bilhão, valor R$ 450 milhões superior ao orçado e ainda maior do que o realizado em 2017, que foi de R$ 803 milhões. Para 2019, se prevê um faturamento de 854 milhões.

Comin salientou que tiveram uma série de fatores que impactariam a atividade da Coagrisol. “Assumimos os custos e não passamos nenhum centavo para o nosso quadro social. Nossos resultados poderiam ser muito maiores, mas fatores alheios a nossa vontade nos impediram disso” ponderou.

Os produtos agrícolas seguem sendo o carro-chefe dos negócios da empresa, representando 75% dos negócios. Em quantidades, no ano de 2018, a Coagrisol recebeu mais de 6,5 milhões de sacas de soja, um número superior a 320 mil sacas de milho e 400 mil sacas de trigo.

Os demais segmentos comerciais também tiveram incremento de negócios, onde a área de insumos chegou a 16%, sendo que o setor de varejo representou 5.58%. Houve aumento no recebimento de leite, passando de 8.518 para 9.132 milhões de litros. Receitas de prestação de serviços e setor de produtos animais igualmente compõem o balanço.

Todos os balanços tiveram parecer favorável recomendando a aprovação tanto pelo Conselho Fiscal bem como pela equipe de auditoria externa. Agora, esses dados serão levados para apreciação dos cooperados nas assembleias regionais, que iniciam na segunda-feira (28), e após homologados na Assembleia Geral Ordinária, que acontece no 19/02, em Soledade.

Ao final do balanço, já descontadas despesas como as bonificações aos cooperados, pagamento de ações judiciais, despesas extras motivadas especialmente devido a greve dos caminhoneiros, entre outras provisões, a Cooperativa teve um resultado de R$ 6.385.187,06. Esse valor será apresentado aos cooperados que vai decidir sobre sua destinação durante as assembleias.

O presidente José Luiz Leite dos Santos, ao avaliar o ano de 2018, afirma que a Coagrisol, embora o cenário de incertezas, seguiu em rota ascendente de crescimento. “Temos compromisso com mais de 100 mil pessoas, que direta ou indiretamente dependem desta empresa, e por isso sempre mantemos os pés no chão ao tratar de projeções de negócios”, assinalou.

Além dos aspectos financeiros, o presidente lembrou que foi um ano de modernização, desde a logomarca até as políticas de gestão operacional. Outro ponto enfatizado são os investimentos realizados na estrutura da Coagrisol, que entre recursos próprios e financiados ultrapassam os R$ 15 milhões.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade