Assembleia Geral confirma Rogério Matuella para a presidência da Sicredi Botucaraí RS

Ciclo assemblear teve a participação de 6.505 pessoas na região de atuação da Cooperativa de Crédito.

Por Redação em 16/04/2019

   

(Foto: Lucas Oliveira Bicudo / ClicSoledade)
Assembleia Geral confirma Rogério Matuella para a presidência da Sicredi Botucaraí RS

Após a realização das 13 Assembleias de Núcleo, durante o mês de março, a Sicredi Botucaraí RS confirmou, durante a realização da Assembleia Geral Ordinária, o nome do Diretor Executivo, Carlos Rogério Matuella, para a presidência da cooperativa para os próximos quatro anos. A ratificação aconteceu na manhã de sexta-feira (12), quando os 90 Coordenadores de Núcleo levaram as decisões dos associados, levantando a cartela, apoiando todas as votações.

No maior ciclo assemblear de todos os anos, com a participação de 6.505 pessoas, a culminância dos trabalhos foi um dos momentos mais importantes para a Sicredi Botucaraí RS. Com a consolidação para a nova presidência, Rogério Matuella será o quarto presidente na história dos 37 anos da cooperativa de crédito, que já teve no comando Olavo Valendorff, Orlando Muller e Antonio Mario Cherini (atual presidente).

- Serei o novo presidente do Conselho de Administração e, de maneira coletiva, junto com todos, faremos o trabalho no que tange a gestão estratégica da cooperativa. Queremos, juntos, ajudar a construir a história da Sicredi Botucaraí, e a promessa é entregar aquilo que nós pudermos prometer, com muito trabalho e dedicação -, afirmou Matuella naquele momento.

Após esta decisão, a Ata da assembleia será enviada para o Banco Central, que irá homologar a decisão, confirmando Carlos Rogério Matuella como novo presidente da Sicredi Botucaraí RS. Após o Sicredi receber a documentação oficial, será marcada uma data para a posse do novo presidente, oficializando Rogério como presidente efetivo do Conselho de Administração e da Sicredi Botucaraí RS.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade