Acusado por estupro de vulnerável é preso pela Polícia Civil em Barros Cassal

Homem tinha em seu desfavor um mandado de prisão expedido pela Comarca de Estrela.

Por Redação em 15/05/2019

   

(Foto: Divulgação / PC)
Acusado por estupro de vulnerável é preso pela Polícia Civil em Barros Cassal

A Polícia Civil por meio da Delegacia de Barros Cassal, contando com o apoio de policiais civis de Tapera, Espumoso e Soledade, sob a coordenação do Delegado Marcos Vinicius Muniz Veloso e da Delegada Fabiane de Vargas Bittencourt, efetuou a prisão de A.D.M, 45 anos, o qual é acusado de crime estupro de vulnerável.

O homem é apontado como autor de abusos e estupro de vulnerável de sua enteada, quando residia na cidade de Bom Retiro do Sul. Após os trâmites do processo judicial, o acusado foi condenado a uma pena de 11 anos e 4 meses.

Após tomar conhecimento da condenação, o acusado refugiou-se no interior de Barros Cassal. No local, embora sabendo de sua condição de foragido, passou a perturbar a tranquilidade e ameaçar pessoas idôneas da comunidade barroscassalense.

A Polícia Civil, no decorrer da operação PC 27, tentou prender o acusado, o qual evadiu-se do local. Nesta quarta-feira, 15/05, por volta de 5h, policiais civis voltaram a residência do acusado, em um primeiro momento, este se escondeu, valendo-se de artifícios, policiais e se esconderam e obtiveram êxito em capturar o acusado.

Após os procedimentos legais na Delegacia de Polícia de Barros Cassal, o acusado será encaminhado ao Presídio Estadual de Soledade.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade