PRF realiza Operação Proclamação da República 2019

A BR-386 deverá novamente ser uma das mais movimentadas, já que liga a região metropolitana à região central e noroeste do estado.

Por Redação em 13/11/2019

   

(Foto: Divulgação / PRF)
PRF realiza Operação Proclamação da República 2019

A Polícia Rodoviária Federal dará início à Operação Proclamação da República nesta quinta-feira (14). A operação ocorre em todo o país e se estende até o domingo (17).

Tendo em vista a previsão de aumento no fluxo de veículos, a PRF trabalhará com reforço no efetivo e intensificação da fiscalização nas rodovias federais. A BR-386 deverá novamente ser uma das mais movimentadas, já que liga a região metropolitana à região central e noroeste do estado. A movimentação deverá ser grande nos dois sentidos, porém mais acentuada no sentido capital-interior na saída para o feriado, e interior-capital no retorno.

A grande parte das ações da PRF na região de competência da Delegacia em Lajeado será direcionada aos trechos de maior índice de acidentalidade. Além das atividades de fiscalização de trânsito e enfrentamento ao crime, será dada atenção especial à educação para o trânsito, mediante abordagens educativas a todos os tipos de veículos.

O trabalho da PRF durante a operação terá por objetivo garantir a fluidez do trânsito nas rodovias e a segurança de todos que as utilizarão. Para o atingimento desse objetivo, a instituição conta também com a conscientização, responsabilidade e prudência dos motoristas.

Orientações

- A revisão no veículo é de suma importância, a fim de evitar ter sua viagem interrompida por problemas mecânicos.

- Também é necessário verificar as condições dos pneus, já que o fato de trafegar com pneus em mau estado de conservação é responsável por grande parte dos acidentes que acontecem na rodovia. A PRF lembra ainda que os pneus em melhores condições devem sempre ser colocados na traseira do veículo. Quanto melhores estiverem os pneus, especialmente os traseiros, menor será a chance de perda de controle do veículo.

- Em caso de chuva, também é indispensável manter uma velocidade mais baixa, compatível com essa situação. Se a chuva estiver intensa, prejudicando a visibilidade, ou se houver ventos fortes, a melhor opção é parar o veículo em um local seguro, fora da rodovia, e esperar para continuar a viagem após o tempo melhorar.

- A combinação álcool e direção pode ser trágica e, desta forma, será alvo de forte fiscalização por parte da PRF, por meio do teste do etilômetro.

- Durante o percurso, é importante obedecer a velocidade máxima permitida para o local e ter paciência nas situações de lentidão, não realizando ultrapassagens forçadas e/ou em locais proibidos.

- O cinto de segurança também é indispensável para todos os ocupantes do veículo, assim como o dispositivo de retenção veicular adequado à idade da criança.

- Outro detalhe muito importante é manter uma distância segura com relação ao veículo da frente. Isso pode evitar muitos acidentes, em especial nos dias de grande fluxo de veículos.

- A PRF ainda orienta os motoristas a, se possível, não utilizarem a rodovia nos dias e horários de maior fluxo, procurando antecipar ou adiar o momento de sua saída.

Restrições de Tráfego

A Polícia Rodoviária Federal informa que caminhões têm restrição de tráfego nas rodovias federais de pista simples neste feriado da Proclamação da República (14 a 17 de novembro). Combinações de Veículos de Cargas (CVC), portando Autorização Especial de Trânsito (AET), Combinações de Transporte de Veículos (CTV) e Combinações de Transporte de Veículos e Cargas Paletizadas (CTVP), portando ou não a AET, bem como o trânsito dos demais veículos portadores de AET terão restrições.

14/11/2019, quinta-feira, 16h às 22h
15/11/2019, sexta-feira, 06h às 12h
17/11/2019, domingo, 16h às 22h

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade