OMS se defende de críticas sobre vacinação contra nova gripe

150 milhões já foram imunizados em todo o mundo, diz agência. Mortes confirmadas em laboratório chegam a 12.799 mil.

Por Bruno Quevedo em 08/01/2010
nao. (Foto: Alberto Lowe/Reuters)
OMS se defende de críticas sobre vacinação contra nova gripe

A Organização Mundial da Saúde (OMS) saiu novamente em defesa de sua posição de promover a vacinação contra a nova gripe nos grupos de maior risco, e ressaltou que pelo menos 150 milhões de pessoas foram vacinadas no mundo, mostrando que o produto é seguro.

A declaração, nesta sexta-feira (8) é reação às críticas em diferentes países contra as campanhas de vacinação e à reticência de certos governos, como o polonês, de realizar a imunização contra o vírus A (H1N1) .

"A posição geral da OMS é que as vacinas são a melhor maneira de combater a pandemia, são uma medida preventiva e não reativa, e a prevenção sempre é o melhor", disse o porta-voz da OMS, Gregory Hartl.

Ele afirmou ainda que a vacina demonstrou ter o mesmo perfil de segurança que a administrada contra a gripe sazonal. "Recomendamos (a vacina) para os grupos de risco: trabalhadores de saúde, mulheres grávidas e crianças pequenas."

No entanto, disse o porta-voz, as decisões relativas à vacinação dependem totalmente de cada governo. A OMS confirmou nesta sexta que a influenza A (H1N1) causou 12.799 mil mortes no mundo, confirmadas por meio de exames de laboratório.

Fonte: G1

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade