Centro Tecnológico recebe Gravadora a Laser

Novos equipamentos vão oportunizar incremento de cursos e tecnologias aos usuários do CTPedras

Por Redação em 14/01/2010

   

nao. (Foto: Eduardo Presser)
Centro Tecnológico recebe Gravadora a Laser

Chegou nesta terça-feira, 12, um dos três novos maquinários que irão fazer parte da infra-estrutura do Centro Tecnológico de Pedras, Gemas e Jóias do Rio Grande do Sul (CTPedras). Trata-se de uma gravadora a laser, que imprime nos objetos, figuras criadas no computador. Embora o setor pedrista ainda venha se recuperando dos resultados da crise econômica mundial, o CTPedras inicia o ano com o pensamento de trazer tecnologias inovadoras e oportunidades ao segmento. Os recursos são do Ministério da Ciência e Tecnologia (convênio 01.0217.00/2008), através de emenda parlamentar do deputado federal Beto Albuquerque.

Usualmente, a gravadora a laser é comprada por empresas do ramo têxtil e da comunicação visual. Para o uso em gemas, o Centro Tecnológico é a segunda instituição de pesquisa e tecnologia que vai utilizar o equipamento, podendo gravar diversas figuras, como exemplo, as logomarcas das empresas. Rogério Lovatto, que é técnico da empresa Automatisa Sistemas, diz que o laser é aplicado em materiais como acrílico, madeira, metal, vidro, e agora, em pedras. “O equipamento é de fácil operação, podendo importar arquivos gerados a partir de softwares como Wilcom, CorelDraw, AutoCad, entre outros”, explica. Ele ainda ressalta que a gravação é feita de forma rápida, obedecendo fielmente à figura que foi desenhada no computador.

Durante os meses de janeiro e fevereiro, o Centro Tecnológico vai reservar seu tempo para treinar seus funcionários e realizar testes dos maquinários, para que, no mês de março, possa reiniciar suas atividades. O coordenador do CTPedras, Juliano Tonezer da Silva, observa que o objetivo também será proporcionar nove turmas, com algumas modalidades novas. “Temos uma projeção de aproximadamente cinco cursos, entre eles, de fundição por cera perdida, joalheria, design de jóias, prototipagem e usinagem”. Além disso, está previsto a realização de visitas nas empresas do setor, para incentivar os empresários e seus funcionários a procurarem os serviços do Centro Tecnológico.

Tonezer lembra que devem chegar nos próximos dias, a impressora de prototipagem rápida e a máquina para corte a jato d’água. Os parceiros e mantenedores do CTPedras continuam em 2010. “A Universidade de Passo Fundo, Prefeitura Municipal de Soledade e o Sindipedras renovaram o apoio. E para incrementar, temos ainda a aceitação do protocolo de cooperação com a Universidade Federal do Rio Grande do Sul”, pontua.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade