Grêmio vira sobre o Araguaia e evita segundo jogo na Copa do Brasil

Borges, duas vezes, e Rochemback marcaram para o Tricolor.

Por Bruno Quevedo em 11/02/2010
nao. (Foto: Dnei Matos, Especial)
Grêmio vira sobre o Araguaia e evita segundo jogo na Copa do Brasil

por Tatiana Lopes

O Grêmio foi a Rondonópolis enfrentar o Araguaia na estreia na Copa do Brasil, nesta quarta. Adversário desconhecido, mas não fácil. A equipe mandante começou tímida, com o Tricolor tentando impor seu jogo, mas em seguida a partida mudou de figura. O Grêmio saiu perdendo, mas mostrou sua superioridade, virou e fechou o placar em 3 a 1, evitando o segundo jogo em Porto Alegre.

Grêmio começa melhor

Em campo no esquema 4-4-2, com Mário Fernandes na lateral e Saimon na zaga, o Grêmio começou melhor que o Araguaia. Aos oito minutos do primeiro tempo, Mário Fernandes avançou em velocidade pelo lado direito após receber de Jonas, chutou e o goleiro defendeu.

Dando uma resposta, Verona chegou pelo lado direito da área tricolor e arriscou o chute. A bola desviou na zaga e foi para escanteio.

O atacante Jonas protagonizou bonito lance aos 15 minutos. Driblou um, depois outro, e cruzou. Mas a bola bateu em um adversário e saiu pela linha de fundo.

Não demorou muito para o Araguaia se impor dentro de campo. O goleiro Victor teve que trabalhar. Aos 25, Gledson recebeu no campo de ataque após bobeada gremista no meio-campo, e o camisa número 1 saiu do gol e se antecipou para defender no chão, sem falta. Três minutos depois, o goleiro tricolor salvou a pátria. Em uma falta cobrada por Diniz, Rochemback cabeceou para trás e Victor fez milagre, tirando por cima e mandando para escanteio.

Aos 33, Victor fez outra bela defesa. Wellington Silva recebeu sem marcação no ataque, entrou na área com a bola dominada e chutou. Victor tirou mais uma.

Araguaia abre o placar

O Araguaia começou a complicar a vida do Grêmio e logo chegou ao gol. Aos 37 minutos, a zaga do Grêmio dormiu e Wellington Silva, livre, rolou a bola do lado direito para Gledson concluir da pequena área. Dessa vez, Victor não conseguiu fazer nada.

Grêmio empata em seguida

Como já virou rotina no Gauchão, o Grêmio saiu perdendo em mais um jogo, só que agora na Copa do Brasil. Inconformado, o time tricolor voltou a ir para cima do adversário e, aos 39, conseguiu o empate. Jonas cruzou da esquerda, Maylson cabeceou, a bola quicou na frente do gol e Borges completou com tudo.

Aos 44 minutos, Ferdinando cobrou falta de longa distância e o goleiro Flávio Mendes espalmou. A pancada foi muito forte.

Silas muda para o segundo tempo
Para a etapa complementar, Silas substituiu Saimon por Joilson, que entrou na lateral direita, com Mário Fernandes indo para a zaga. A explicação foi o cartão amarelo que Saimon já tinha recebido e poderia se complicar. Mas aí, Joilson entrou e levou amarelo em questão de poucos minutos.

O Grêmio, como no primeiro tempo, começou melhor, mas o Araguaia intensificava a marcação e conseguiu bons lances.

O Grêmio conseguiu chegar duas vezes na sequência. Primeiro, aos dois minutos, Maylson conseguiu boa jogada pelo lado direito, cruzou, e Borges chutou para o gol da pequena área. Mas a bola bateu no adversário e saiu para escanteio. E depois foi a vez de Maylson finalizar. Ele driblou o marcador na entrada da área e chutou, mas Flávio Mendes espalmou.

Aos nove minutos, a zaga do Grêmio parou e o Araguaia fez o que quis, menos o gol. No cruzamento da direita, Gledson finalizou, mas a bola desviou e saiu pela linha de fundo. No escanteio, quase saiu um gol olímpico, não fosse Victor tirar com a ponta dos dedos por cima do gol.

Grêmio vira e evita jogo da volta
Depois de uma leve pressão, o Grêmio virou o jogo. Aos 12 minutos, Douglas rolou uma bola redondinha para Rochemback chutar com muita raiva para o gol e fazer 2 a 1. Esse placar não evitaria o jogo da volta.
Maurício, que substituiu Diniz lesionado, ficou com a sobra de bola na entrada da área aos 32 minutos e chutou com força. O goleiro Victor fez grande defesa.
Mesmo sem conseguiu boas conclusões, o Araguaia continuou levando perigo.

O técnico Silas mudou o Grêmio aos 37 minutos. Fábio Santos e Mithyuê entraram para as saídas de Lúcio e Jonas. De atacante mesmo, apenas Borges. Porém, o meia, que é uma das promessas do Tricolor, entrou bem e fez a jogada que originou o segundo gol de Borges, o terceiro do Grêmio, aos 40.

E aí, sim, o placar de 3 a 1 evitou o segundo jogo, em Porto Alegre.

No final da partida, dois jogadores do Araguaia foram expulsos: Verona e Wellington Silva. O primeiro fez falta dura, e o segundo reclamou da decisão do juiz e também foi para a rua.

Fonte: zerohora.com

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade