Iceberg gigante pode alterar correntes oceânicas, dizem cientistas

Fragmento se desprendeu após choque com outro iceberg. Fluxo de águas geladas profundas seria bloqueado.

Por Bruno Quevedo em 26/02/2010
nao. (Foto: Reprodução)
Iceberg gigante pode alterar correntes oceânicas, dizem cientistas

Um iceberg de 2,5 mil km² de superfície e 400 metros de altura que se desprendeu do Glaciar Mertz (Antártida) há duas semanas pode alterar as correntes oceânicas em longo prazo, afirmam cientistas. O efeito da lenta jornada do superfragmento, que está flutuando ao sul da Austrália, seria um bloqueio do fluxo de águas profundas, geladas e ricas em sal. Além disso, o iceberg pode perturbar a biodiversidade excepcionalmente rica da região, especialmente colônias de pinguins.

O iceberg se desprendeu após um choque com outro, conhecido por B9B, que se separou do continente antártico em 1987.

Fonte: G1

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade