Inter vence São Luiz por 1 a 0 no final do segundo tempo em Ijuí

Gol colorado foi marcado por Eltinho.

Por Bruno Quevedo em 09/03/2010

   

nao. (Foto: Jean Pimentel)
Inter vence São Luiz por 1 a 0 no final do segundo tempo em Ijuí

por Tatiana Lopes

O Inter foi a Ijuí com time misto na tarde de domingo (07) para enfrentar o São Luiz pelo segundo turno do Gauchão e encontrou dificuldades para vencer, principalmente no primeiro tempo, que terminou com o placar em 0 a 0. Com mudanças na etapa complementar, o Inter conseguiu a vitória aos 40 minutos, com um gol de Eltinho.


Placar não sai do 0 a 0

Jogando em casa, o São Luiz foi para cima do Inter. No primeiro lance de ataque colorado, aos dois minutos, Wilson Mathias lançou Taison pelo lado esquerdo da área. O atacante saiu da marcação, chutou para o gol, mas foi nas mãos do goleiro.

Aos seis minutos, Leandro Rodrigues quase abriu o placar para o São Luiz. A bola foi rolada para ele, que dominou e chutou cruzado. Aos 10, Índio por pouco não fez gol contra. Em cruzamento para a área colorada, o zagueiro foi tirar a bola e ela passou perto da meta defendida por Pato Abbondanzieri.

Um minuto depois, Taison recebeu bom passe de Bruno Silva, mas chutou para fora.

A iniciativa do jogo ficava com o
São Luiz. O Inter teve dificuldades de fazer jogadas com a bola rolando, e a ligação ao ataque muitas vezes foi feita com chutões. As melhores chances de ataque do São Luiz foram pelo lado direito no primeiro tempo.
Aos 20 minutos, Xaro fez bom cruzamento da esquerda, na cabeça de Leandro Rodrigues, que mandou por cima do gol de Pato. A resposta do Inter veio com Bruno Silva, que um minuto depois arriscou de fora da área, forçando Oliveira a espalmar.

Aos 26 minutos, Taison desperdiçou grande chance. Ele recebeu de Eltinho livre no lado direito, tirou do goleiro e chutou cruzado. A bola rolou pela frente da goleira e não entrou.
O primeiro tempo terminou com o placar em 0 a 0, mas aos 29 um gol do São Luiz foi anulado. Em falta de longa distância cobrada, a bola sobrou para Jean Paulo, que completou e saiu comemorando. Mas a arbitragem assinalou impedimento.

Nos minutos finais do primeiro tempo, o Inter levou mais alguns sustos. A seu favor, teve um chute fraco de Leandro Damião, nas mãos do goleiro.

No segundo tempo, logo no início, em uma bobeada da defesa do São Luiz, Taison aproveitou o momento e chutou para o gol, da entrada da área. Mas Oliveira defendeu. Aos sete, Xaro cobrou falta com um chute muito forte e a bola explodiu na trave.

O técnico Jorge Fossati olhou para os titulares que estavam no banco de reservas e resolveu colocar Guiñazu em campo. Josimar deu lugar ao volante argentino. Aos 13 minutos, Taison fez bom lançamento para Andrezinho, que chutou de fora da área para Oliveira fazer defesa difícil, mandando para escanteio.

Em seguida, mais um titular colorado. Alecsandro entrou no lugar de Leandro Damião. Em seu primeiro lance, o camisa 9 do Inter cabeceou uma bola para fora.
O São Luiz, que não jogava mais com a mesma eficiência do primeiro tempo, teve uma grande chance aos 20 minutos. Mas uma excelente defesa de Pato salvou o Inter. O jogador do time de Ijuí recebeu livre no ataque, chutou, e o goleiro colorado tirou com a ponta dos dedos.

Mudanças e gol colorado no final

Perto dos 30 minutos, Fossati mudou o esquema. Tirou o atacante Taison e colocou o meia Thiago Humberto. Apenas Alecsandro ficou no ataque. Já o São Luiz passou a jogar com um a menos, depois da expulsão de Raone.
Thiago Humberto arriscou um chute forte da entrada da área, aos 37, e Oliveira espalmou. No rebote, Andrezinho chutou prensado em cima da defesa. Um minuto depois foi a vez do São Luiz chegar ao ataque novamente.

O São Luiz teve outra boa oportunidade aos 38, com Nicolas. O atacante chegou livre ao ataque, pelo meio, tirou de Pato e chutou para fora.

O Inter, com um a mais, continuou beliscando o gol. Até que finalmente ele saiu, aos 40 minutos. Eltinho, que não se destacou no jogo, deu a vitória ao Colorado. Bruno Silva cruzou da direita, Andrezinho fez um jogo de corpo e deixou a bola passar para o lateral-esquerdo empurrar para dentro das redes.

O meia Thiago Humberto, que entrou bem no segundo tempo, perdeu a chance de ampliar o placar aos 43. Ele recebeu sozinho na área, de frente para Oliveira, mas chutou para fora.

Aos 45, Alecsandro ainda tentou por cobertura, mas sem sucesso.
No último minuto, o São Luiz fez sua última tentativa. Chiquinho cobrou uma falta que raspou na cabeça de um companheiro antes de cair no chão e Pato tirar com uma das mãos de cima da linga do gol. A arbitragem já assinalava impedimento.

Fonte: zerohora.com

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade