Anvisa proíbe comercialização da prótese de silicone fabricada pela empresa Poly

Por Redação em 07/04/2010
nao. (Foto: Reprodução)
Anvisa proíbe comercialização da prótese de silicone fabricada pela empresa Poly

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa, proibiu o uso dos implantes mamários da empresa francesa Poly. A determinação ocorreu porque na França houve vários casos de rompimento dessas próteses de silicone. De acordo com o diretor da Anvisa, Dirceu Barbano, "a empresa foi fechada pela Agência Francesa de Saúde por estar utilizando um tipo de silicone que não o que está indicado no processo de registro. Nos simplesmente acompanhamos uma decisão da França que interditou a fabrico e com isso não existe a possibilidade de permitir a continuidade do uso do produto no Brasil."

A representante da empresa no Brasil já foi comunicada e deve recolher as próteses que ainda não foram usadas. O diretor da Anvisa afirma que as mulheres com implantes da marca francesa não precisam ficar preocupadas. Mas recomenda que elas procurem o médico que fez a cirurgia.

Dirceu Barbano recomenda também que os médicos chamem as pacientes para fazer os exames. Segundo a Anvisa, ainda não foi registrado, no Brasil, nenhum rompimento de prótese da marca francesa Poly.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade