Nos pênaltis, Inter passa pelo Novo Hamburgo

No tempo normal, Inter e Novo Hamburgo empataram em 3 a 3

Por Bruno Quevedo em 08/04/2010
nao. (Foto: Daniel Marenco)
Nos pênaltis, Inter passa pelo Novo Hamburgo

por Eduardo Cecconi

O Inter eliminou o Novo Hamburgo nos pênaltis, e está classificado para a semifinal do segundo turno do Gauchão 2010, em partida que se iniciou na noite de quarta-feira, mas invadiu a madrugada de quinta.

No tempo normal, as duas equipes empataram em 3 a 3, no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo. Nas penalidades, o Inter venceu por 5 a 4. Todos os colorados acertaram suas cobranças; no lado anilado, Kempes foi parado por Abbondanzieri.

Alecsandro (duas vezes) e Walter marcaram para o Inter no tempo normal. Micael, Maiquel e Michel fizeram para o Novo Hamburgo.
Agora, o enfrentará o Ypiranga, pela semifinal da Taça Fábio Koff - o segundo turno do Gauchão 2010.

Patacoadas de Abbondanzieri

O goleiro argentino Pato Abbondanzieri protagonizou as piores cenas do primeiro tempo. Logo no início da partida, errou uma fácil reposição de bola rasteira, entregou a bola para Gustavo, e obrigou Sandro a cometer falta na entrada da grande área.

Resultado: Micael abriu o placar para o Novo Hamburgo na cobrança. Com um chute fortíssimo, aos 3min.
Pato ainda soltou a bola em defesas simples. Como aos 24min, quando deu rebote, e Maiquel marcou mais um. Mas o atacante anilado estava impedido, e o lance foi anulado pela arbitragem.
Abbondanzieri se recuperaria defendendo a cobrança de Kempes, em lance que garantiu a classificação colorada.

Ataque vira

A comemoração durou pouco, entretanto. Quatro minutos depois, Kleber cruzou com precisão, encontrou Alecsandro completamente livre na área, e o centroavante colorado cabeceou com estilo: 1 a 1.

De boa participação, Walter marcou um golaço aos 22min. Aberto pela esquerda, ele recebeu o lançamento e cortou para o meio. De muito longe, desferiu uma patada, no ângulo esquerdo, virando para o Inter.

Outro no início

No segundo tempo, o Novo Hamburgo se repetiu. Partiu para cima nos primeiros minutos, e foi recompensando. Aos 5min, Maiquel recebeu livre na área, e empatou a partida.

O Inter já não contava com Kleber que, lesionado, deu lugar a Juan no intervalo da partida.
Reprises

Alecsandro inspirou-se em Walter. Na comparação entre ambos, só mudou a goleira. Aos 26min do 2º tempo, o camisa 9 reprisou o golaço marcado pelo número 18 colorado na etapa inicial.

Da intermediária ofensiva, Alecsandro cortou da esquerda para o meio e bateu forte, no ângulo: 3 a 2 para o Inter.
Outra reprise foi ao ar aos 34min. Michel empatou novamente para o Novo Hamburgo, em lance semelhante ao do segundo gol. Mas desta vez, pelo lado esquerdo.
Juba fez boa jogada pelo lado esquerdo e cruzou rasteiro. Livre, o ex-atacante do Inter marcou o gol que levou a partida para os pênaltis.

Inter, nos pênaltis

Paulinho abriu com gol para o Novo Hamburgo; Alecsandro empatou para o Inter. Na segunda sequência, Claudio Luiz e D'Alessandro também se igualaram; o mesmo aconteceu com Michel e Glaydson.

Na quarta cobrança, Micael manteve o 100% de aproveitamento. Wilson Mathias também fez o dele. Na última série, Pato defendeu a cobrança de Kempes, e Taison marcou o gol da vitória colorada.

Próximos jogos

O Inter volta a jogar no sábado, no Estádio Beira-Rio, contra o Ypiranga, pela semifinal da Taça Fábio Koff. A equipe de Erechim eliminou o Caxias, na decisão por pênaltis.

Pela Copa Libertadores 2010, o Inter vai a Guayaquil (EQU) enfrentar o Emelec na próxima quarta-feira, dia 14 de abril.

Fonte: zerohora.com

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade