Reportagem do SporTV revolta paraguaios

Repercussão negativa da reportagem, que satirizava símbolos da cultura e atrativos turísticos paraguaios

Por Redação em 06/07/2010

   

nao. (Foto: Divulgação)
Reportagem do SporTV revolta paraguaios

A polêmica reportagem exibida pelo SporTV sobre o Paraguai, no último fim de semana, continua a provocar indignação na imprensa e no governo do país vizinho. Nesta segunda-feira, a ministra do Turismo paraguaia, Liz Cramer, enviou nota de repúdio ao canal brasileiro, informa o jornal ‘ABC’, um dos principais do Paraguai.

A repercussão negativa da reportagem, que satirizava símbolos da cultura e atrativos turísticos paraguaios ao falar da seleção do país e da modelo Larissa Riquelme, obrigou o SporTV a fazer um pedido público de desculpas. Após a derrota do Paraguai contra a Espanha na Copa do Mundo, o canal se desculpou “pela péssima maneira” com que retratou o povo paraguaio, e classificou o desempenho de sua seleção como motivo de orgulho para a região.

No entanto, a ministra paraguaia considera que o impacto das imagens é muito superior ao de um pedido de desculpas. “Já que falaram do turismo, das paisagens do Paraguai, de seu povo, sua cultura, da noite, da gastronomia etc, a Secretaria Nacional do Turismo convida com respeito e convicção o produtor, editor, os apresentadores e o locutor de tal material para que venham nos conhecer e se surpreender com este país e a derrubar preconceitos”, afirmou Cramer, no comunicado, segundo o ‘ABC’.

A reportagem ainda motivou artigo em tom indignado de outro jornal paraguaio, o “La Nación”, seguido de vários comentários de leitores – muitos deles brasileiros – corroborando a ira local. A cantora Ramonita Vera, citada de forma pejorativa na reportagem do SporTV, também criticou a matéria, em vídeo produzido pelo ‘ABC’.


Fonte: yahoo.com.br

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade