Governo do Estado pede que população reforce medidas de prevenção contra a gripe H1N1

Fabiano Bolner, Delegado Regional diz que o vírus permanece vivo nos ambientes por até 72 horas

Por Redação em 23/07/2010
nao. (Foto: Divulgação)
Governo do Estado pede que população reforce medidas de prevenção contra a gripe H1N1

O Governo do Estado está alertando à população para que retome e reforce as medidas de prevenção a gripe H1N1 no Rio Grande do Sul. As baixas temperaturas e a concentração de pessoas em ambientes fechados são meios propícios para a propagação do vírus.

A Secretaria da Saúde destaca que os simples hábitos de higiene são essenciais na prevenção da enfermidade, tendo em vista que as principais formas de transmissão tem origem na saliva e no contato das mãos com superfícies contaminadas.

As recomendações do órgão permanecem sendo lavar as mãos com água e sabão com frequência e não compartilhar talheres e objetos pessoais com pessoas que apresentem os sintomas da gripe, como febre e coriza. A pessoa que estiver doente deverá cobrir a boca e o nariz com lenço descartável ao tossir e espirrar.

Segundo o Delegado Regional de Saúde, Fabiano Bolner, "o vírus permanece vivo nos ambientes por até 72 horas e, em superfícies como corrimões, maçanetas e torneiras, por até 10 horas". Os técnicos destacam também a importância de limpar e manter os ambientes ventilados, essencialmente os úmidos e frios, pois favorecem a multiplicação do vírus. A higienização das mãos com álcool gel é também indicada na prevenção em locais públicos e com grande circulação de pessoas.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade