Projeto da Universidade Botucaraí foi entregue ao Ministro da Educação

Presidente do Legislativo Soledadense participou de comitiva em audiência com Ministro da Educação.

Por Redação em 21/08/2010
nao. (Foto: Divulgação / Câmara de Soledade)
Projeto da Universidade Botucaraí foi entregue ao Ministro da Educação

A presidente do Legislativo Soledadense, Amália Aparecida de Souza, juntamente com uma comitiva de lideranças da região do Botucaraí e representante da UFSM, acompanhados do presidente da Assembléia Legislativa do Estado, deputados federais, entre outras lideranças, foram recebidos em audiência na última quarta-feira, 18/08, pelo ministro da Educação Fernando Haddad, a quem formalizaram o pedido de criação da Unidade Descentralizada de Educação Superior da UFSM, em Soledade.

A comitiva entregou ao ministro os projetos “Institucional” e “Pedagógico” da UDESB, o primeiro tratando sobre a implantação da extensão em Soledade, apresentando dados relacionados à infraestrutura e logística do município e da região, bem como explicitando a colocação de área a disposição da União para as obras do futuro campus e as dependências da extinta Escola Pedro Carneiro, devidamente adaptada, para o funcionamento provisório da futura Universidade, enquanto não forem construídas suas próprias estruturas. O projeto pedagógico por sua vez, descreve detalhadamente os cursos propostos: Sistemas de Informática e Gestão Ambiental (graduação); Ciências da Natureza (licenciatura), nas áreas de Matemática, Biologia, Química e Física; e Curso Superior de Produção Joalheira (tecnólogo).

O prefeito Gelson Cainelli destacou ao ministro, o fato de que o município está preparado para dar suporte inicial ao funcionamento da universidade, enquanto não forem feitas as imobilizações em instalações físicas necessárias. Embora explicado no projeto institucional, Cainelli reiterou ao ministro a importância da universidade para o desenvolvimento da grande região, hoje muito distanciada de instituições públicas.

Participaram o presidente da Amasbi, prefeito de Tio Hugo Verno Muller, o prefeito de Soledade Gelson Cainelli, o prefeito de Fontoura Xavier, José Flávio Godoy da Rosa, a presidente da Câmara de Vereadores de Soledade, Amália Aparecida de Souza, os deputados federais Marco Maia e Paulo Pimenta, o presidente do Sintargs Carlos Dinarte Coelho, o professor da UFSM José Miguel Reichert e o presidente licenciado da Fetraf Sul, Ademir Tortelli e o secretário de Saúde de Soledade, Sergio Pilatti.

Mobilização é fundamental – existem muitas instâncias a serem percorridas

Comentando a entrega do projeto da UDESB ao MEC, a Chefe de Gabinete de Soledade, professora Maria Arlinda Daroit, que encaminhou o processo de montagem dos documentos, destacou que a partir da definição pela localização da extensão em Soledade, os trabalhos de montagem do processo ficaram concentrados no Gabinete, e que o acompanhamento permanente de professores da UFSM permitiu um bom projeto.

Observou que ainda existe um longo caminho e instâncias a serem percorridas, e que a comunidade precisa apropriar-se deste projeto que não é da administração. Adiantou que diretores, professores e alunos das escolas de ensino médio já trabalham no sentido de mobilizar deputados e senadores da bancada gaúcha. “Não se trata de se conquistar apenas alguns cursos de ensino superior, mas sim da possibilidade de que se abram muitas portas, projetos de pesquisa, conhecimento e programas nas mais diferentes áreas, que alavancarão o desenvolvimento local e regional”, observou.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade