Audiência Pública debateu acessibilidade em Soledade

Por Redação em 27/08/2010

   

nao. (Foto: Divulgação / Câmara de Soledade)
Audiência Pública debateu acessibilidade em Soledade

Autoridades, professores, vereadores e comunidade estiveram reunidos na tarde de quarta-feira, 25/08, na Câmara de Vereadores, para discutir o tema Acessibilidade em Soledade.

A Audiência Pública reuniu entidades como a APAE e ACESOL, que apresentaram propostas e ações que necessitam serem realizadas para melhorar a locomoção, educação e socialização dos portadores de necessidades especiais. Primeiramente, a presidente da APAE Eliane Possebom Borges, se reportou a “Carta de Acessibilidade”, construída pela entidade contendo 23 ações necessárias para melhorar significativamente a socialização dos deficientes. “Este encontro é essencial. O trabalho tem que ser conjunto para um resultado efetivo. Não adianta termos o conhecimento sobre acessibilidade se não tivermos o apoio do executivo, legislativo e comunidade”, aduziu.

Na seqüência, a psicóloga Luciana Sauthier, uma das responsáveis pela elaboração da Carta de Acessibilidade, frisou os pontos importantes das soluções apresentadas pela APAE. Uma delas é a criação de um Centro Especializado para realização de diagnóstico e exames específicos e encaminhamentos dos portadores de necessidades especiais, via Sistema Único de Saúde (SUS).

Foi apresentada também, proposta de capacitação dos profissionais que atuam na área, e a criação de transporte específico para os portadores de necessidades especiais, além de possibilitar que eles estejam acompanhados, entre outras propostas.

Representando o prefeito municipal, a chefe de Gabinete Maria Arlinda Daroit referendou a importância da discussão. “Parabenizo a Casa Legislativa pela iniciativa de receber a conversa. Acredito que este tipo de encontro onde acessibilidade é discutida é vital para um bom desenvolvimento da nossa sociedade”, sinalizou. Para ela, o processo tem que ser de tríplice empenho. ”Deve estar envolvido o executivo, legislativo e a comunidade em geral, que apresentam as ações necessárias para melhorar acessibilidade de todos”, concluiu.

A presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Amália Aparecida de Souza, falou das providências que a casa esta tomando para melhor o acesso de todos. “Estamos em processo de licitação de um elevador, que irá melhorar o acesso a nossa casa. Este evento está fazendo história na Câmara, pois acrescido dos demais, mostra que a estamos ouvindo a comunidade e criando juntos soluções para os problemas que afetam Soledade. Sem dúvidas hoje demos um passo grande rumo a minimizar as questões de acessibilidade”, finalizou Amália.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade