Os possíveis indicados ao Oscar 2011

Conheça os filmes mais badalados da temporada

Por Redação em 06/01/2011

   

nao. (Foto: Reprodução)
Os possíveis indicados ao Oscar 2011

Faltando pouco mais de duas semanas para os indicados ao Oscar 2011 serem divulgados, já é possível prever quem são os possíveis concorrentes à estatueta dourada, a maior e mais badalada premiação do cinema mundial.

A lista definitiva sempre pode trazer alguma surpresa, mas premiações da crítica, correlatas, como o Globo de Ouro, e os prêmios entregues pelos sindicatos de classe, formados pelos mesmos eleitores da Academia de Hollywood, tratam de deixar atores, cineastas e produtores preparados de antemão.

Os nomes dos candidatos ao Oscar serão revelados no próximo dia 25. A cerimônia de entrega de prêmios será realizada no Teatro Kodak, de Los Angeles, no dia 27 de fevereiro. Confira abaixo os trailers, a sinopse, a estreia e a categoria em que cada filme deve ser indicado.


"A Rede Social"
O épico moderno sobre a criação do Facebook encabeçou, junto com "Toy Story 3", boa parte das listas de destaques de 2010 e venceu o prêmio da National Board of Review, associação dos críticos dos EUA, além de várias premiações similares. É o favorito ao Oscar e tem grandes de ganhar como melhor diretor (David Fincher, de "O Curioso Caso de Benjamin Button") e roteiro adaptado. Jesse Eisenberg, no papel de Mark Zuckerberg, e Andrew Garfield, que interpreta o brasileiro Eduardo Saverin, correm por fora aos prêmios de ator e ator coadjuvante.
Possíveis indicações ao Oscar: filme, diretor, ator, ator coadjuvante, roteiro, edição, trilha
Estreia no Brasil: em cartaz


"O Discurso do Rei"
Representante britânico do ano, o filme chama a atenção pelo elenco competente. Colin Firth encarna o rei George 6º, líder do império britânico que precisa superar a gagueira e transmitir segurança à população durante a tensa Segunda Guerra Mundial. Indicado no ano passado por "Direito de Amar", Firth é o grande favorito a melhor ator. Helena Bonham Carter, como a rainha Elizabeth, e Geoffrey Rush, o professor do rei, têm lugar certo nos indicados a coadjuvante. Dirigido por Tom Hopper, de "Sombras do Passado" (2004), "Discurso do Rei" lideras as indicações do Globo de Ouro, com 7.
Possíveis indicações ao Oscar: filme, diretor, ator, ator coadjuvante, atriz coadjuvante, trilha
Estreia no Brasil: 4 de fevereiro


"Cisne Negro"
O diretor Darren Aronofsky ("O Lutador", "Réquiem para um Sonho") deve ganhar sua primeira indicação ao Oscar por conseguir levar o terror psicológico para o universo do balé. Forte candidata ao prêmio de atriz, Natalie Portman interpreta uma ascendente bailarina de Nova York escalada para estrelar a nova montagem de "O Lago dos Cisnes". No competitivo mundo da dança, enquanto ela encarna a graça do Cisne Branco, começa a dar vazão ao sombrio Cisne Negro. Ainda no elenco, Mila Kunis (provável indicada a coadjuvante), Barbara Hershey, Winona Ryder e o francês Vincent Cassel.
Possíveis indicações ao Oscar: filme, diretor, atriz, atriz coadjuvante, roteiro
Estreia no Brasil: 11 de fevereiro


"Bravura Indômita"
Ignorado pelo Globo de Ouro, o remake dos irmãos Coen para o faroeste homônimo de 1969 tem tudo para figurar nas principais categorias do Oscar, como já indicam as premiações dos sindicatos de classe. No lugar de John Wayne, que ganhou o Oscar por seu papel no filme, entra Jeff Bridges (vencedor do ano passado) como um xerife caolho e decadente que ajuda uma adolescente (Hailee Steinfeld) a perseguir o assassino de seu pai (Josh Brolin). Matt Damon também se une à dupla. Se confirmada, será a quinta indicação dos irmãos Coen, que já têm quatro Oscars na estante.
Possíveis indicações ao Oscar: filme, diretor, ator, atriz coadjuvante, roteiro adaptado
Estreia no Brasil: 21 de janeiro


"Rabbit Hole"
Baseado na peça homônima, é um drama pesado sobre um casal – Nicole Kidman e Aaron Eckart – atormentado e amargurado pela perda do filho, morto num acidente. Cada um acaba adotando um mecanismo próprio para lidar com a dor e a saudade. Depois do fracasso de "Austrália" e "Nine", "Rabbit Hole" representa as pazes de Kidman com a crítica, tanto que é concorrente forte para melhor atriz. A direção é de John Cameron Mitchell, do polêmico "Shortbus" e de "Hedwig - Rock, Amor e Traição".
Possíveis indicações ao Oscar: atriz
Estreia no Brasil: 18 de fevereiro


"O Vencedor"
Dois anos depois de Mickey Rourke sair de mãos vazias por "O Lutador", outro filme sobre os ringues volta ao Oscar. "O Vencedor" segue Mark Wahlberg, promessa no boxe que tenta superar o fantasma do irmão (Christian Bale), fracassado no esporte. A história real de superação tem lugar garantido entre os concorrentes a melhor filme. Em mais uma transformação física, Bale é, ao lado de Geoffrey Rush, favorito a ator coadjuvante, assim como Melissa Leo ("Rio Congelado") e Amy Adams ("Julia & Julia") podem surpreender na categoria feminina. A direção é de David O. Russell ("Três Reis", "Huckabees").
Possíveis indicações ao Oscar: filme, diretor, ator, ator coadjuvante, atriz coadjuvante
Estreia no Brasil: 4 de fevereiro


"Inverno da Alma"
Em muitas listas de melhores do ano, "Inverno da Alma" deve seu hype à elogiadíssima interpretação de Jennifer Lawrence. Ela interpreta Ree, uma garota de 17 anos que vaga numa paisagem gelada em busca do pai, desaparecido. Se ele não for encontrado, a família perde a casa e Ree e seus dois irmãos pequenos não vão ter onde morar. É claro que o tal pai não vai ser nada fácil de ser encontrado, já que ninguém quer revelar seu paradeiro. Se serve de termômetro, "Inverno da Alma" foi o vencedor do Gotham Awards, premiação independente que "Guerra ao Terror" também ganhou antes do triunfo no Oscar de 2010.
Possíveis indicações ao Oscar: filme, atriz
Estreia no Brasil: 28 de janeiro


"127 Horas"
Após o triunfo de "Quem Quer Ser Um Milionário?", Danny Boyle resolveu regressar ao espírito aventureiro que filmou em "A Praia", apesar da abordagem ser agora menos fantasiosa e baseada em fatos reais, na linha de "Na Natureza Selvagem". "127 Horas" foi o tempo em que o montanhista Aron Ralston ficou à espera de resgate, depois de ter seu braço preso num cânion em Utah, graças a um deslizamento. Apresentador do Oscar ao lado de Anne Hathaway, o protagonista James Franco talvez nem precise subir ao palco para pegar o prêmio, o que seria inédito na festa.
Possíveis indicações ao Oscar: filme, ator, roteiro adaptado
Estreia no Brasil: 18 de fevereiro


"Minhas Mães e Meu Pai"
Filme família, mas com viés moderno. Um casal de lésbicas (Anette Benning e Julianne Moore) começa a ter problemas no relacionamento depois que seus dois filhos, gerados por inseminação artificial, resolvem conhecer o doador de esperma de suas mães, ou seja, seu pai (Mark Ruffalo). O surgimento de um triângulo amoroso complica ainda mais a situação. O filme provocou sensação no festival de Sundance, ainda a maior vitrine do cinema independente norte-americano. Benning deve conseguir sua quarta indicação ao Oscar.
Possíveis indicações ao Oscar: filme, roteiro original, atriz
Estreia no Brasil: em cartaz


"Blue Valentine"
Drama romântico exibido em Sundance e no Festival de Cannes, na mostra paralela "Um Certo Olhar". Michelle Williams ("Brokeback Mountain") e Ryan Gosling ("Diário de Uma Paixão") vivem um casal em crise no casamento. Os bons momentos são intercalados na montagem com o declínio da relação. A dupla de protagonistas foi indicada ao Globo de Ouro e pode repetir a dobradinha no Oscar. A direção é de Derek Cianfrance, conhecido por seu trabalho com documentários.
Possíveis indicações ao Oscar: atriz, ator
Estreia no Brasil: 25 de fevereiro


"Animal Kingdom"
Elogiada produção australiana sobre o submundo de Melbourne. Depois de ver a mãe sofrer uma overdose, o jovem J vai morar com a avó (Jacki Weaver) e os tios, todos envolvidos em negócios criminosos. Não demora para o adolescente ingressar no mundo do crime, nem para a polícia entrar na história e as consequências serem catastróficas. Guy Pearce e Ben Mendelsohn também estão no elenco, mas é Jacki Weaver quem rouba a cena e está virtualmente em todas as premiações na categoria de atriz coadjuvante.
Possíveis indicações ao Oscar: atriz coadjuvante
Estreia no Brasil: sem previsão


"A Origem"
Assim como "Avatar" no ano passado, "A Origem" vai representar os campeões de bilheteria no Oscar deste ano. A complexa trama de ação e roubo do diretor Christopher Nolan deve ser esquecida nos prêmios de interpretação, mas provavalmente garantirá lugar nas outras categorias principais (filme, diretor, roteiro) e técnicas. Para quem ainda não viu, Leonardo DiCaprio é o chefe de uma quadrilha que invade o subsconsciente de suas vítimas atrás de segredos industriais.
Possíveis indicações ao Oscar: filme, diretor, roteiro, edição, trilha sonora
Estreia no Brasil: disponível em DVD


"Toy Story 3"
Desde que a categoria de melhor animação em longa-metragem foi criada na década passada, as produções do gênero nunca mais concorreram ao Oscar de melhor filme (feito conseguido apenas por "A Bela e Fera", em 1992). Pois a campanha da Disney para que isso volte a acontecer tem sido forte e, com o total dos indicados a melhor filme ampliado para 10, é provável que realmente consiga – até porque, há de se dizer, o filme da Pixar apareceu no topo ou ao menos nas primeiras colocações das listas de melhores de 2010.
Possíveis indicações ao Oscar: filme, animação, roteiro
Estreia no Brasil: disponível em DVD.



Fonte: ig.com.br

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade