Prefeito de Ibirapuitã participa de encontro com o Deputado Marco Maia

Cerca de 40 representantes de cidades gaúchas estiveram em audiência com o presidente da Câmara dos Deputados, quarta-feira, 30/03, para apresentar novos pleitos e pedir apoio na viabilização dos projetos em tramite

Por André Vicari em 07/04/2011

   

nao. (Foto: Divulgação / Ibirapuitã)
Prefeito de Ibirapuitã participa de encontro com o Deputado Marco Maia

Recebida na sala da Presidência da Câmara dos Deputados, a comitiva gaúcha, que na última semana esteve realizando várias reuniões nos órgão federais, foi atendida por Marco Maia (PT/RS), na tarde desta quarta-feira, 30/03. Além de visita cortesia, os gaúchos trouxeram novas demandas ao parlamentar, que depois de 18 anos sem um gaúcho ocupar a presidência da Câmara, retorna ao cargo representado por Marco Maia.

Maia tem realizado agendas semanais com os prefeitos e lideranças do Rio Grande do Sul. “A nossa intenção é de contribuir com o crescimento de nosso Estado e a cada prefeito, a cada vereador, representante da sociedade civil que recebo tenho a convicção de que estamos conseguindo caminhar no sentido do desenvolvimento. Meu gabinete estará sempre de portas abertas e estarei junto na luta pela liberação de recursos e viabilização de projetos”, frisou Marco Maia.

“Vim reivindicar novos recursos e pedir apoio na liberação dos projetos em tramitação. Conheço o trabalho de Maia e peço ajuda deste parlamentar, pois precisamos de recursos para fomentar o desenvolvimento e a geração de renda e emprego” destacou Luciano.

O prefeito Luciano visitou ainda o Deputado Federal Ronaldo Nogueira, onde apresentou proposta e ouviu do parlamentar a promessa de ajuda continua os setores primários do município bem como ressaltou que as porta do Gabinete estão abertas para os gaúchos.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade