Audiência com secretário da Infra-Estrutura encaminhou pleitos de Mormaço

Deputado Cherini e Prefeito Luís Carlos foram recebidos por Beto Albuquerque

Por Patric Cunha Strapazzon em 20/04/2011

   

nao. (Foto: Divulgação)
Audiência com secretário da Infra-Estrutura encaminhou pleitos de Mormaço

Em audiência marcada pelo deputado federal Giovani Cherini (PDT) o secretário de Infra-Estrutura e Logística Beto Albuquerque recebeu ontem (18) o prefeito de Mormaço, autoridades e lideranças do município. Na pauta do encontro, três questões importantíssimas para a infra-estrutura do município: duplicação da ponte do Rio Espraiado, liberação dos recursos da ponte do Passo do Diniz, e a restauração do acesso do município à BR 386, a VRS 854.

Segundo o secretário, a ponte do Passo Diniz, com as obras já iniciadas, necessita de um reempenho de recursos, o que depende de orçamento; a duplicação da Ponte do Espraiado aguarda assinatura do contrato entre o Daer e a empresa EPT Engenharia, que venceu a licitação, assunto esse que o secretário disse que será resolvido o mais breve possível, e a restauração da VRS 854, que integra o lote 11 das obras do Daer, também aguarda ajustes técnicos para que seja assinado o contrato.

Conforme Luís Carlos a comitiva volta esperançosa com o posicionamento do secretário, e enfatiza a relevância das obras. “São demandas há muito reivindicadas pelo município, todas importantes para a comunidade mormacense e regional, estamos na expectativa de que o estado, através de seus gestores, se sensibilize e atenda a esses pleitos que são de vital necessidade para todos”.

Além do deputado e do prefeito Luís Carlos Machado (PP), participaram da audiência os vereadores Jorge Berticelli (PMDB), Olair Bello de Carvalho (PSB) e Antônio Moraes Santana (PP), o representante da Coagrisol, Adilar Correia, o produtor rural Renato Koenig e o engenheiro Edemir Livinalli.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade