Soledade sacia a sede de cultura

A bandeira de Soledade ficou mais colorida durante o Festival de Folclore

Por Ana Mello em 13/09/2012

   

(Foto: Mariana Teixeira / ClicSoledade)
Soledade sacia a sede de cultura

O mundo não é redondo. O mundo é um palco de identidades, um espetáculo sem fim. E, diga-se de passagem, nada melhor do que parar, e assistir a apresentação da vida, resumida em lugares, pessoas, culturas, cores, línguas, danças e trajes que, juntos, formam o colorido que, move o tempo.

O I Festival de Folclore de Soledade, foi mais do que um festival de folclore, foi a festa dos povos, foi um brinde a vida, foi o motivo de emoções, curiosidades, foi o mundo inteiro em um só lugar. Na tarde desta quarta-feira (12), representantes do Chile, Argentina, Paraná, Soledade, bem como, entidades tradicionalistas, grupos de danças, capoeira e outras atividades saíram pelas Avenidas Centrais a fim de mostrar as pessoas que não há vergonha alguma em emanar a cultura de sua Terra e que, a diversidade cultural, hoje, não é motivo de separação. Pelo contrário, estes eventos unem as culturas em um só objetivo.

O fato que chama a atenção é que não somente grupos têm anseios de mostrar sua cultura, mas, o povo soledadense, mostrou que contém em si sede de cultura, vontade de saber mais, de ver além da Região, além do Brasil, de saber o que é o mundo além de Soledade.

Espantados com o barulho dos tambores da banda chilena, acompanhada pelas vozes afinadas das bailarinas que faziam um coral junto a delegação que gritava “Argentina”, o povo soledadense parou. Saíram de seus estabelecimentos comerciais, esqueceram as tarefas, e estancaram para ver o folclore vivo passar. Encantados, os seguiram até o Centro Cultural, e viram que não eram somente gritos, pelo contrário, aquelas pessoas tinham algo a oferecer, fator que estava nítido em cada “cantote” dançado.

Assim, iniciou-se o I Festival de Folclore em Soledade. Com uma enorme bandeira, que levava não só o nome de Soledade, mas de todo o mundo.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade