Equipe da UPF participa do Projeto Rondon em São Sepé

UPF

Por Redação em 22/07/2009

   

nao. (Foto: Divulgação)
Equipe da UPF participa do Projeto Rondon em São Sepé

Mais um grupo de professores e acadêmicos da Universidade de Passo Fundo (UPF) está desenvolvendo atividades na Operação Nordeste-Sul do Projeto Rondon. Eles viajaram no último dia 10 de julho para o município de São Sepé/RS onde permanecem até o próximo dia 26. O trabalho conta com a coordenação da professora Ana Maria Migott, e a participação da professora Cleusa Wincler e dos alunos Crivian Pelisser, Elizandra Paula Borille, Monica Três, Sabrina Vaz de Campos, Talissa Tondo e Tiago Lucero, de diversos cursos da UPF.

O município, que tem cerca de 25 mil habitantes, está recebendo atividades relacionadas ao conjunto A do Ministério da Defesa. Estão acontecendo oficinas, palestras, cursos e outras iniciativas nas áreas de saúde - doenças mentais, DSTs, saúde bucal, infecções respiratórias, dependência química, sexualidade e saúde do homem; educação e gestão da educação, com oficinas para professores de geografia, química, física; lazer – preparação de goleiros; cultura; direitos humanos e justiça. Até o momento, mais de 250 pessoas foram atendidas, entre elas, agentes de saúde, professores, pais e alunos. Está prevista a execução de 10 atividades extras nas áreas da saúde e da educação, até o final da programação.

De acordo com a professora Ana Maria, além de levar conhecimento à comunidade, o projeto está servindo para fomentar no aluno a participação em equipe. “São 17 pessoas na equipe, sendo oito da UPF e os demais da Universidade de São Paulo, que é parceira da iniciativa em São Sepé, o que contribui para compartilhar experiências com outra universidade”, afirma a professora. Na opinião dela, todas as cidades brasileiras carecem de projetos como o Rondon, especialmente quando são propostas atividades para a melhoria na qualidade de vida, envolvendo aspectos da saúde e da educação.

A Operação Nordeste-Sul está visitando 20 municípios do Rio Grande do Sul, totalizando 32 instituições de ensino superior envolvidas. São 320 rondonistas espalhados pelas cidades de Agudo, Barros Cassal, Cacequi, Cerro Branco, Estrela Velha, Itaara, Jaguari, Nova Palma, Paraíso do Sul, Pinhal Grande, Restinga Seca, Salto do Jacuí, São Francisco de Assis, São Pedro do Sul, São Sepé, São Vicente do Sul, Segredo, Silveira Martins, Tunas e Tupanciretã.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade