Coordenadoria da Mulher participou do Seminário da Mulher Cooperativista

Coordenação divulgou o lançamento da CMS em Soledade

Por Redação em 02/09/2013

   

(Foto: Mauricio Orsolin / ClicSoledade)
Coordenadoria da Mulher participou do Seminário da Mulher Cooperativista

Jane Maria Ottoni, coordenadora da Coordenadoria da Mulher de Soledade, juntamente com demais mulheres que aderiram a esta importante luta pelo fim da violência contra as mulheres no Município, estiveram divulgando o lançamento da CMS, que será no dia 10 de setembro, às 14h, no CTG Marciano Brum, com a participação da secretária de Políticas para as Mulheres do Estado, Ariane Leitão.

Foram entregues folders com o objetivo da CMS, as leis hoje existentes de proteção à mulher, saúde da mulher, entre outras políticas que serão articuladas pela Coordenadoria e efetivadas com as demais secretarias municipais, entre elas, Saúde e Assistência.

A coordenadora Jane convidou as mulheres presentes para o lançamento e para fazer parte integrante desta rede articulada pela CMS, que tem por finalidade diminuir a violência contra as mulheres, da qual muitas vezes, ocorre em ambiente doméstico e onde por diversos motivos estas mulheres acabam condicionadas a sofrer todo tipo de abuso, tanto físico quanto psicológico. A intenção da Coordenadoria é que com o apoio e a solidariedade de todas, que de alguma forma possam contribuir para formar esta rede de proteção, diminua-se os altos índices de mortes na região, da qual a problemática é considerada hoje bastante elevada.

Durante o lançamento, ainda será confirmado, a vinda de um ônibus itinerante que percorrerá os bairros e o interior. O objetivo desta ação estadual, conectada à implementação da Coordenadoria no Município, é implantar um modelo de atendimento multidisciplinar, composto por profissionais das áreas de serviço social, psicologia, atendimento jurídico e segurança pública. Isso permite a interação efetiva dos diversos serviços, a orientação adequada e humanizada e, principalmente, o acesso das mulheres que vivem no campo e bairros aos serviços da Rede de Atendimento à Mulher em situação de Violência.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade