Ato marca oficialmente a instalação da UERGS Botucaraí

Solenidade teve presença de representantes da instituição, comunidade local e regional, autoridades estaduais, regionais e municipais

Por Lucas Bicudo em 03/07/2014

   

(Foto: Silvio Souza / Lucas Bicudo)
Ato marca oficialmente a instalação da UERGS Botucaraí

A comunidade da região esteve em festa nesta quarta-feira, 2 de julho, por ocasião da inauguração da unidade Botucaraí da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS). Diferentes autoridades prestigiaram o ato que marcou de forma oficial a instalação da instituição no Alto da Serra do Botucaraí.

Considerado um marco na história da região e referendado durante a fala de Geruza Prestes Longaray, integrante do Movimento Pró-UERGS, “em nenhum outro lugar do Estado a UERGS foi tão esperada pela comunidade regional como aqui no Botucaraí. Bem vinda UERGS”, aduziu.

O diretor regional do Campus III da UERGS, Paulo Groff, destacou a bravura com que as pessoas lutaram pela conquista da instituição. “Digo que nunca vi um movimento igual a este. Estou na UERGS desde 2008, e desde então, venho acompanhando esta caminhada de luta e parabenizo a todos, pois hoje celebramos algo que vocês conquistaram, não foi nada dado”, ponderou.

Gilmar Valadares, diretor administrativo da Secretaria de Ciência, Inovação e Desenvolvimento Tecnológico (SCIT), lembrou que a instituição nasceu da mobilização popular, em 2001, assim como é observado agora em Soledade. “Quando o Alisson nos ligava lá na Secretaria, comentávamos que não seria algo fácil criar mais uma unidade. Porém, a comunidade não desistiu e persistiu no seu desejo e hoje comemoram esta conquista”, disse. Ele ainda pondera que este é o primeiro passo de uma grande caminhada de sucesso.

Representando a reitoria da instituição, a diretora de Assuntos Institucionais da UERGS, Cristina Ostermann, salientou que vem acompanhando a trajetória da região, desde 2010, quando o reitor Fernando Guaragna assumiu a gestão da UERGS. “Nestes últimos quatro anos, pude presenciar todos os movimentos que foram feitos e realmente é muito incrível o que esta comunidade fez para buscar a unidade para região”, destacou.

Durante seu discurso, a diretora contou a história vista pelo ângulo da UERGS. “Estivemos a beira do fechamento, tamanha dificuldade que passávamos, onde os recursos humanos eram escassos, o orçamento muito inferior a necessidade e não estávamos atendendo bem as unidades que já possuíamos”, assinalou. Cristina lembra que quando veio à demanda de Soledade, indicada pelo Programa Estadual de Combate as Desigualdades, num primeiro momento a reitoria entendeu ser impossível, diante da situação em que a instituição estava.

A diretora observa que com o passar do tempo e após ter as reivindicações da instituição atendidas pelo Governo do Estado, a UERGS está de pé novamente. “E é por isto que estamos aqui hoje, devido a esta recuperação da universidade. Esta demanda da região sempre foi real dentro da instituição e muito bem embasada, mas demoramos um pouquinho para se instalar porque precisávamos vir de forma séria para Soledade, em condições de oferecer estrutura e ensino com qualidade”, argumentou. Por fim, Cristina diz que está vencida esta primeira etapa e agora se inicia outra caminhada, lado a lado, UERGS e comunidade do Alto da Serra do Botucaraí.

uergs

O prefeito de Soledade, Paulo Ricardo Cattaneo, foi enfático ao afirmar que a instalação da UERGS no município é uma conquista regional. “É do Corede, da AMASBI, da AVASB, da 25ª CRE, do 28º Núcleo do CPERS e demais entidades que compõe nossa região, não é apenas de um município. Muitos foram os atores que atuaram nesta busca, que persistiram passo a passo, até alcançar o objetivo”, considerou. Agradeceu a sensibilidade do Governo do Estado e Conselho Universitário da UERGS, “por terem entendido nossa necessidade e tornada esta demanda realidade”, concluiu.

Durante a solenidade, foram apresentadas ao público as duas professoras que já estão lotadas na unidade Botucaraí da UERGS, sendo Daniela Mueller de Lara e Marta Martins Barbosa Prestes, e a funcionária Josiane Guimarães Amorim.

uergs-1

Estrutura

A revitalização e adequação predial serão realizadas em duas etapas. A Prefeitura de Soledade vai investir R$ 150 mil para reformas dos espaços de aula e administrativos, dos banheiros, além da execução de entrada individualizada para a Unidade. Segundo o chefe de Gabinete, Alisson Ferronato dos Santos, a obra está licitada e com a empresa contratada, onde já iniciou as adequações.

A Uergs e o Estado do Rio Grande do Sul têm orçamento previsto de R$ 400 mil para a instalação de rede lógica e adequação da rede elétrica existente, e reforma de salas para instalação dos laboratórios. O total de investimento previsto para a instalação da Unidade é de R$ 1,8 milhão.

Os acadêmicos iniciarão as aulas no segundo semestre de 2014, no curso de Bacharelado em Gestão Ambiental. No primeiro processo de ingresso, via Sisu (Sistema de Seleção Unificada) foram 769 candidatos inscritos, um recorde comparado às inscrições de outras Unidades para o mesmo curso. A Unidade está localizada na Travessa Tissiano Felippi, s/nº, Bairro Missões, junto à Escola Estadual Alcides João Gradaschi (Ciep), em Soledade.

Confira as fotos do evento no link:
http://www.clicsoledade.com.br/fotos/?pg=ver&id=1900

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade