Diferenciais qualificam cursos de especialização da Faed/UPF

Sistema de avaliação, descentralização dos cursos para os campi, efetivação de convênios com prefeituras, aulas abertas para a comunidade e aulas em diversos dias da semana são alguns matizes pedagógicos oferecidos nos projetos em desenvolvimento.

Por Redação em 25/07/2017

   

(Foto: Divulgação / UPF)
Diferenciais qualificam cursos de especialização da Faed/UPF

Os cursos de pós-graduação lato sensu da Faculdade de Educação da Universidade de Passo Fundo (Faed/UPF) oferecem diferenciais que possibilitam a qualificação da formação acadêmica, intensificam e ampliam o compromisso com a formação continuada dos profissionais e reafirmam a interlocução da Faed com a região. A Faculdade de Educação tem atualmente seis cursos de especialização em andamento e a cada semestre oferece diversas opções para as pessoas que já possuem uma graduação e pretendem evoluir ainda mais na sua área de atuação.

O objetivo dos cursos de pós-graduação lato sensu da Faed é proporcionar o aprofundamento teórico, técnico e/ou prático de um determinado campo de formação e de atuação. As propostas dos cursos intencionam formar especialistas em segmentos profissionais específicos, procuram dialogar com os cursos de graduação e com o Programa de Pós-Graduação em Educação - stricto sensu. O corpo docente é constituído por mestres e doutores envolvidos em projetos de pesquisa, de extensão e com reconhecida prática profissional nas áreas de concentração dos cursos. Simultaneamente, a Faculdade de Educação nas dimensões do ensino, da pesquisa e da extensão, captura do processo pedagógico reflexões e indicações para observar-se e revitalizar-se diante dos princípios, finalidades assumidas historicamente e movimentos produzidos pela sociedade.

As aulas dos cursos de especialização acontecem geralmente nos finais de semana, como é de praxe nas pós-graduações lato sensu, mas a unidade acadêmica também está oferecendo outras opções, com aulas distribuídas durante os dias de semana. Esse é um dos principais diferenciais dos cursos da Faed. “As aulas distribuídas durante os dias da semana proporcionam movimentos da pós-graduação lato durante a semana e também como uma possibilidade de frequência em outros dias que não nos finais de semana pelos acadêmicos”, revela a coordenadora da pós-graduação lato sensu da Faed, Luciane Bordignon.

A diretora da Faed, Eliara Zavieruka Levinski, também comenta essas opções de aulas durante os dias da semana. “Com as aulas distribuídas durante os dias de semana, quebramos uma tradição de que os cursos de especialização só acontecem nos finais de semana. Na Faed, acontecem de segunda a sábado. As aulas distribuídas durante a semana possibilitam o encontro dos acadêmicos da graduação com a pós-graduação, como também potencializam a participação conjunta em eventos promovidos pelos cursos de especialização”, comenta Eliara.

Os cursos que estão em andamento inovaram com as denominadas “aulas públicas”. É a primeira vez que é aberta a possibilidade de as comunidades interna e externa participarem, gratuitamente, de aulas que tematizam as áreas dos cursos. Exemplo dessa prática pedagógica foi vivenciada no decorrer deste semestre no Campus Soledade com o curso de Políticas e Gestão da Educação, envolvendo em três ocasiões mais de 400 participantes.

Além disso, cursos também passaram a ser oferecidos nos campi da UPF, como forma de descentralização, bem como na modalidade In company. “Sobre a pós lato sensu desenvolvida nos campi, são experiências enriquecedoras que movimentam a região e proporcionam a qualificação dos docentes das redes de ensino. Em Soledade, particularmente, pela movimentação da especialização, estendeu-se o Grupo de Pesquisa e Extensão em Políticas e Gestão da Educação (GPEPGE), que desenvolve suas ações desde 2010 no Campus de Passo Fundo”, enfatiza Luciane.
A modalidade in company com prefeituras municipais e Governo do Estado do RS tem sido mais uma possibilidade de realização dos cursos de pós-graduação lato sensu – especialização na Faculdade de Educação. Nos últimos cinco anos foram consolidados quatro convênios: dois com a Prefeitura de Lagoa Vermelha (cursos de Psicopedagogia e Políticas e Gestão da Educação), um com o a Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Humanos (FDRH) do RS (curso de Políticas e Gestão da Educação) e com a Prefeitura de Soledade (curso de Políticas e Gestão da Educação). Os projetos de pesquisa desenvolvidos pelos acadêmicos são relacionados a questões do seu campo de atuação. Observa-se também que duas publicações de livros contemplaram produções dos alunos e professores dos cursos.

Sistema de avaliação

Para ter a percepção de como esses diferenciais estão sendo recebidos, um sistema de avaliação foi criado com o objetivo de avaliar a proposta das disciplinas, o trabalho dos professores e da gestão do curso e da unidade acadêmica e a prática discente. Os alunos avaliam e também fazem uma autoavaliação. “A proposta de avaliação é proporcionar um acompanhamento sistemático do curso, das disciplinas e dos processos de autoavaliação. Os resultados tornam-se objeto de análise, reflexão e projeção dos cursos e impulsionam a qualificação das propostas dos cursos, das práticas docentes e dos processos formativos dos acadêmicos. Está em implantação desde 2015”, comenta a coordenadora da pós-graduação lato sensu.

A formação continuada também acontece em vários colegiados dos cursos de especialização. As coordenações realizam periodicamente encontros com os docentes que fazem parte dos colegiados para discutir a proposta pedagógica, planejar ações integradas e socializar experiências. A cada semestre, também é realizada uma reunião com os coordenadores dos cursos de pós-graduação para discutir o trabalho pedagógico e o sistema de avaliação dos cursos. O último encontro foi realizado no dia 29 de junho, na Faed. “O objetivo dessas reuniões é socializar informações sobre os cursos em andamento, bem como apresentar a possibilidade de desenvolver processos avaliativos que envolvem as disciplinas e de realizar processos de autoavaliação. Além disso, esses encontros se constituem em processos formativos”, explica Luciane.

A Faed também está construindo uma proposta pedagógica para a sua pós-graduação lato sensu. “Essa proposta, que está em construção ainda, tem como objetivos orientar/sistematizar a pós-graduação lato sensu na Faed e também elaborar projetos dos cursos. O conteúdo, em elaboração, por uma comissão representativa, contempla o contexto histórico (em âmbito nacional e da UPF), legislação, diretrizes, metodologia e avaliação da pós-graduação”, pontua Luciane.

Cursos de pós-graduação lato sensu da Faed em andamento:
- Especialização em Psicopedagogia - 9º edição
- Especialização em Educação Infantil: Currículo e Infância - 4ª edição
- Especialização em Políticas e Gestão da Educação - In Company Faed e Prefeitura Municipal de Soledade (Campus de Soledade)
- Especialização em Supervisão Educacional - 3ª edição
- Especialização em Cuidado Interdisciplinar no Envelhecimento Humano - 1ª edição
- Especialização em Marketing de Moda -1ª edição.
*As inscrições para os cursos de especialização acontecem, geralmente, no início de cada semestre. É possível acompanhar esses processos seletivos no site da UPF (www.upf.br). Informações sobre as especializações da Faed pelo telefone (54) 3316-8290.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade