Prefeito de Passo Fundo adia retomada das atividades econômicas no município

Em uma rede social, Luciano Azevedo disse ser uma decisão difícil, porém necessário em razão do número de casos de coronavírus

Por Redação em 13/05/2020

   

(Foto: Alex Borgmann / Divulgação)
Prefeito de Passo Fundo adia retomada das atividades econômicas no município

A Prefeitura de Passo Fundo anunciou nesta quarta-feira, 13/5, que decidiu adiar o calendário de retomada das atividades econômicas, em função dos novos óbitos e do número de casos confirmados do novo coronavírus na cidade. Foram divulgadas novas datas para funcionamento de alguns setores.

Academias, imobiliárias, escritórios e profissionais liberais, que abririam a partir de amanhã, poderão retomar seu funcionamento na segunda-feira (18), caso seja mantida a classificação de bandeira laranja para Passo Fundo. A Prefeitura irá divulgar as regras para essas atividades no final da tarde de sábado, depois do anúncio do governo do Estado sobre o plano de distanciamento.

Os restaurantes (a la carte) e a Feira do Produtor poderão voltar a atender o público a partir do dia 25 de maio, caso Passo Fundo se mantenha na bandeira laranja. Shopping Centers e centros comerciais poderão abrir a partir do dia 1 de junho, também dependendo da classificação da cidade no plano do Estado de distanciamento controlado.

O calendário apresentado pela Prefeitura será submetido nesta sexta-feira ao Comitê de Orientações Emergenciais (COE), composto por especialistas da área médica, hospitais, Faculdades de Medicina, Ministério Público e Conselho Municipal de Saúde.

O prefeito de Passo Fundo, Luciano Azevedo, publicou nesta tarde (13) em seu Facebook afirmando ser uma decisão difícil, porém necessário em razão do número de casos de coronavírus. Nesta quarta-feira, Passo Fundo registra 277 casos confirmados e 20 óbitos em razão da doença.

Além disso, o prefeito aponta que é de conhecimento o desejo de retomar o trabalho. “São decisões difíceis. Sabemos que todos querem trabalhar, mas o número de casos de coronavírus na cidade exige cautela e cuidados. Não vivemos uma época de normalidade, infelizmente”.


*As informações são do Diário da Manhã.

   
O Portal ClicSoledade não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Publicidade